Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Como quem não quer A Coisa

Como quem não quer A Coisa

13
Set19

Desafio dos Pássaros #1

O Coiso

Problemas, só problemas

By Coiso

 

Vamos partir de uma premissa inicial. Problemas de saúde são problemas sérios e não vou falar neles.

Às vezes, tenho dificuldade em compreender aquelas pessoas que dizem que estão cheias de problemas. A vida não me corre mal. Senão vejamos…

Se preciso de dinheiro arranjo um emprego. Não me lixem, que para quem precisa MESMO de emprego, qualquer coisa serve. Primeiro procuro um que pague condignamente e depois, se vejo que não encontro, procuro simplesmente um que pague qualquer coisa que me permita aguentar até ao mês seguinte. Nunca se sabe aquilo que a vida nos vai trazer depois disso… E ser empregado de restaurante, caixa no supermercado ou empregado de uma loja de roupa, é tão digno como ser polícia ou contabilista ou bancário. E paga quase o mesmo, no início de carreira.

Se preciso de sexo, que por acaso não preciso porque sou um gajo muito sortudo/jeitoso/bem-falante/todas as anteriores, mas imaginemos que precisava, tenho mais de 10 aplicações no telemóvel que me ajudam. Tenho o Urban. E depois tenho o Técnico, em caso de emergência… Claro que esta última opção pode colidir com o parágrafo do dinheiro, mas isso é uma questão de arrumação de finanças.

Se preciso de me rir tenho o Youtube, tenho o Facebook e também tenho as manhãs da SIC, com a Cristininha e o Cláudio Ramos. Também tenho o programa da Passadeira Vermelha, também com o Cláudio Ramos (ainda dá, certo?). Resumindo, tenho QUALQUER programa em que entre o Cláudio Ramos. E se calhar, arranjava aí mais meia dúzia de programas na TV que me fizessem rir. Eu é que não vejo muita televisão. Vejo os jogos do Benfica mais uns quantos programas soltos, às vezes lá vejo um filmezito… E pouco mais!

Se preciso de emagrecer, é só fechar a boca. Não é preciso milagres, não é preciso ginásio, só é preciso força de vontade e fechar a boca. Até pode ajudar ao parágrafo do dinheiro. E por consequência ao parágrafo do sexo. E como todos sabemos, o parágrafo do sexo ajuda ao parágrafo do rir. Claro que nem todos têm força de vontade e por isso socorrem-se do resto. Mas como eu costumo dizer, “beggars can’t be choosers” por isso se estás com problemas nos outros parágrafos… fecha a boca!

Tens mais algum problema? Vai à caixa de comentários e conta-mo. Juntos, poderemos procurar uma solução.

30 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D